domingo, 17 de dezembro de 2017

Semana do cão.

     Olá...

     Essa semana era para eu estar com 60 kg. O dia da pesagem foi dia 15. Eu estou com 66,200 kg. Engordei. O que era óbvio, pois domingo houve um encontro de família no qual teve churrasco (eu comi 3 espetinhos de frango) e bebida... A bebida é que me fodeu. Eu nem me lembro mais o quanto bebi... Só sei que foi muito. E apenas cerveja. Das 15h até ás 23h, apenas bebendo cerveja. Não bebi pouco. E honestamente? Ainda acho que engordei pouco em consideração ao quanto bebi... Afinal, no dia da última postagem, eu estava com 65,600 kg. Eu engordei apenas 600 gramas! Como isso é possível?! Se essa tivesse sido a única jacada, ok. Mas dia 06 agora eu fui na Liberdade também e comi o que não devia... E bebi umas 3 cervejas. Sim, eu estou testando minha sorte enchendo a cara de cerveja... Eu sei! Anteontem bebi vinho, ontem bebi vinho e hoje Jägermeister (bebida de origem alemã, tipo licor)... Prefiro não comentar muito sobre isso.

     Mudando de assunto... Para quem se lembra da minha postagem sobre parar de fumar, apenas para atualizar sobre o assunto: eu não consegui parar até agora. E honestamente? Meio que desisti de tentar... Quero dizer, cheguei até a comprar Nicorette e ficar alguns dias sem fumar, mas de nada adiantou. A goma de mascar ajuda sim! Mas apenas se você quiser parar de fumar, pois caso não queira, não é uma goma que irá te fazer eliminar a vontade de fumar. Enfim... Apenas achei sensato atualizar sobre esse assunto, pois já queria comentar isso faz tempo, mas sempre me esqueço. Como hoje lembrei, aí está...

     Outro assunto para comentar... Meu temperamento tem piorado muito nesses últimos tempos. Sempre comentei por aqui sobre meu afastamento das pessoas e que prefiro não ter muitos (ou nenhum, como atualmente) amigos, mas a verdade é que agora eu tenho detestado mais do que antes estar entre elas. Conviver com elas. Olhar para a cara delas. Perder meu tempo com elas. Não é algo do tipo: "que gente chata! Insuportáveis! Blá blá blá...", que muitas pessoas pensam sobre as outras mas não falam. É algo mais... Denso. Complexo. Eu sei da minha obrigação como ser humano de saber conviver com os outros de mesma espécie, mas... Eu não tenho mais gostado de ninguém. Também não tenho visto nada de bom, agradável, utilizável, algo que agregue na minha vida e me faça querer conviver mais com pessoas. Quanto mais conheço e lido com gente, mais amo e admiro meus cachorros e menos quero ficar perto de humanos. Mas sei que sou obrigada a estar perto deles. Meu trabalho e a vida em sociedade exigem isso de mim. A maioria me enoja e o pouco que não me enoja é indiferente para mim. Por fim, nas raríssimas ocasiões em que ouso no mínimo pensar em simpatizar com a cara de algum indivíduo, o lado mais perspicaz do meu cérebro já me aponta "N" defeitos para deixar de simpatizar... Ou caso a simpatia seja forte e perdure após toda a análise crítica desse meu outro lado, essa parte perspicaz faz questão de apontar "N" motivos e probabilidades de minha relação com tal pessoa resultar em merda. Seja pelo meu próprio temperamento (que não tem jeito, não vou mudar, ao menos não sozinha), seja pela personalidade e temperamento alheios, ou seja por qualquer outra coisa... Minha mente me dá milhares de motivos para eu deixar de sonhar simpatizar com alguém. Enfim... Estou comentando sobre isso apenas porque é algo que tem me cansado bastante. Talvez outras pessoas como eu se cansem menos de si próprias e se suportem mais. Mas eu? Eu estou esgotada... Pior do que não suportar aos outros e estar cansada deles, é não suportar mais a si mesma. Talvez seja por isso que eu não suporte os outros... Se não me suporto, como poderia suportar outra pessoa? É até meio que justo se pensarmos por esse lado... Eu não poderia ter muita tolerância com os outros se não tenho isso comigo mesma. Não poderia gostar muito deles se não gosto muito de mim... É. Talvez as coisas não estejam tão perdidas assim para mim. Se algum dia eu conseguir fazer as pazes comigo, talvez possa fazer com os outros. Mas a pergunta é: como fazer as pazes comigo mesma? Como gostar mais de mim, sabendo que não vou mudar? Como passar a me aceitar? Se "conformar" com a própria essência não é o mesmo que "gostar" e nem de "aceitar". Será que terapia me ajudaria?! Eu acho a ideia de fazer terapia tão ridícula... Não para os outros, pois tem pessoas que possuem grandes problemas e realmente precisam de ajuda psicológica. E eu sou do tipo que apóia as pessoas que procuram esse tipo de ajuda. Mas eu? Eu não tenho um problema digno de ajuda... Sério. Meu problema não é nenhuma patologia psicológica que um psicólogo poderia dar um jeito. Meu único problema é ser como sou. E se eu aceitasse mudar, já conseguiria modificar algumas coisas na minha vida. Mas eu não aceito mudar. Não quero mudar... Acho que é melhor ser como sou do que fingir ser quem não sou... Me assumir é melhor do que me reprimir e fingir que amo todo mundo e que gosto de conviver entre eles. Fingir que está tudo bem e que somos todos iguais e amigos uns dos outros?! Isso é ridículo... E eu sei que agora deve ter pessoas se perguntando porque a Roxy não para de reclamar e vai viver no meio do mato longe da sociedade. Pois bem... Além de me faltar meio de abrir mão da minha vida em sociedade, eu não acho que no meio do mato seria menos infeliz, pois mesmo lá eu ainda seria obrigada a lidar comigo mesma. Ou seja, eu apenas me livraria de 50% do problema, que se refere aos outros. Mas os outros 50% se tratam apenas de mim... E não tem como se livrar de mim. Poderia me matar, sim. Mas não vejo na morte solução nenhuma para meus "problemas".

     Ok. Me prolonguei mais do que devia. Apenas divaguei demais na última parte. Por isso tenho evitado aparecer por aqui. Não tenho nada de bom para agregar à vocês. Caso eu não apareça mais antes do Natal, desejo um bom Natal para quem comemora essa data. Aqui em casa minha mãe faz uma comidinha e trocamos presentes entre nós (eu, minha mãe e minha irmã), mas é apenas isso.  Então... Sei lá. Mas de qualquer forma, desejo um bom Natal para vocês. ♥

4 comentários:

  1. Respondendo teu comentario no outro post (Desculpa por não ter respondido antes y-y) seus comentarios vão direto pra minha caixa de mensagens, então sempre leio lá antes de entrar aqui (sorry por ler e não responder, de novo hasuhas) meu e-mail é andressamact@gmail.com, é a unica "rede social" que eu tenho no meu celular.
    Teve azar em jogar lol em shausha mas instale de novo, estou praticamente lá 8 horas por dia ou mais, tenho amigos legais certeza que vai se divertir com eles, ou podemos jogar qualquer jogo online que quiser u-u se temos algo muito em comum, é que nós duas somos viciadas em jogos sahushasu
    Eu realmente tambem nao sei, minha depressão atacou de uma forma tão... de um jeito que me sufocou tanto que os unicos momentos que eu saia da cama era pra ir no banheiro, fora isso, ficava dormindo direto. Como tenho problemas em relação ao sono, tomo muito café pra me manter acordada o maximo possivel, e no tempo que eu fiquei sem atualizar aqui, foi o tempo que não tomei café, então acabei passando mais de 24 horas dormindo, como não comia muito, meu estomago rejeitava a maioria das refeições e eu acabava vomitando tudo, até mesmo a bile, foi algo bem horrivel, acho que foi assim kkk o susto que eu levei quando me pesei foi tão grande que a imagem que eu vi no espelho depois ainda me deixa chocada, chegar na meta não é nada lindo quanto eu achei que seria shausha

    As pessoas sempre nos decepcionam, mesmo que não tenhamos expectativas nelas, sempre dão um jeito de nos decepcionar, acho que é algo inevitavel. Eu já tinha perdido as "esperanças" de que tudo ficaria melhor e isso me deixava muito pra baixo e triste, mas quando eu li seu comentario sobre "Ficar menos pior" (acredite, nao tinha pensado nisso) me "tranquilizei" mais e agora penso que não preciso me esforçar pra deixar tudo melhor e sim menos pior, de pouco em pouco nunca se sabe no que vai dar, obrigada Roxy pelas palavras, sempre me ajudando mesmo que de longe sauhsa a cenoura é um xuxu u-u

    Espero que a bebida tenha ajudado a pelo menos esquecer da vida naquele momento, porque se não querida, a cenoura bebeu errado demais!! hduahdasudhas Juro que quando li a parde do vinho, te imaginei em uma banheira de hidromassagem bebendo uma taça de vinho com um robe de plumas dentro da agua HAHAHAHA (perdoa a imaginação). Parar de fumar é um saco né? Comei a fumar ano passado por causa das minhas crises, me deixa muito mais tranquila, mas me deixa muito mal depois, já que meus pulmoes são tudo estranho shaus "felizmente" agora eles já se acostumaram... Quando não se quer parar de fumar e ainda se força a parar, acho que torna tudo muito mais dificil, deixei isso de lado um pouco Roxy, um dia, quando se sentir melhor e praparada pra isso, tenho certeza que vai conseguir e vai ser um total sucesso u-u tenho orgulho da cenoura já só por tentar ahhaah

    ResponderExcluir
  2. Entendo como se sente em relação as pessoas, eu acredito.... Terminei meu namoro de quase 1 ano (faltava praticamente 20 dias pra um ano) porque não suportava mais manter um relacionamento, claro, eu gosto muito dele, mas se tornou sufocante e agora nem conversamos direito, por minha culpa, fiz amigos pela internet mas assim que os vi pessoalmente deixei de ter aquela vontade de continuar com a amizade, não por causa deles, mas porque não me sentia o suficiente e pensei em varios motivos pra não dar certo e nenhum pra dar certo, estou esgotada de relacionamentos e coisas do tipo, hoje mesmo um amigo com quem mantia contato um dia sim e outro não, me bloqueou/excluiu de suas redes porque eu não dava atenção pra ele kkk e eu não consegui me importar tanto com isso porque já estava sendo frustrante..
    Pode até pensar que não precisa de ajuda ou algo do tipo, mas tirar um tempo pra conversar com um estranho é bom, deveria fazer isso, se quiser, passo um site de ajuda online onde tu conversa com um voluntario por uma hora e meia e nunca mais vai conversar com ele de novo e voces nunca vao saber quem sao, é realmente muito bom.
    Vou parar por aqui porque tenho certeza que escrevi uma biblia, haja paciencia pra ler tudo isso haha
    OMG tive que transformar em dois comentarios hahaha

    ResponderExcluir
  3. Bebida é uma questão e tanto para mim também. Especialmente agora que virei fã de cerveja. Já me vejo igual aqueles velhos com barriga de chop.
    Beijos, Queen.

    ResponderExcluir
  4. Olá querida Roxy!
    Obrigada por se lembrar de mim. Adorei de verdade ler seu comentário.
    E sobre seu post: Você não engordou. Seu corpo é que reteve líquidos, nada que um suco ou chá diurético não resolva.

    Espero que tenha tido um bom natal!

    ResponderExcluir